Ouro na infraestrutura maranhense: até o fim do ano, Estado deve entregar 50 obras em todos os setores

Em questão de obras, o Governo do Maranhão certamente está com o ouro garantido! Mesmo em um cenário nacional difícil em relação à economia, o Estado tem mantido investimentos em diversas áreas. Isso o firmou, no ano de 2020, como o maior estado do Nordeste com percentual de investimentos públicos, em paralelo com o Ceará, segundo a Secretaria do Tesouro Nacional do Governo Federal. No ranking nacional, o Maranhão ocupou a terceira posição, atrás somente do Paraná e do Espírito Santo e equiparado também com o Pará.

A construção civil tem sido um forte colaborador da estabilidade e crescimento econômico no estado. Por isso, o Governo mantém através da Secretaria de Estado da Infraestrutura (Sinfra) diversas obras de mobilidade, na saúde, lazer e na educação.

Neste ano de 2021 muitas obras foram iniciadas, como é o caso da importante MA-006, em trechos que competem entre Balsas e Tasso Fragoso; entre Grajaú ao KM 40, sentido Formosa da Serra Negra e o outro entre Arame e Buriticupu.

Mantendo um cronograma rigoroso de obras em andamento, o Governo do Maranhão pretende entregar ainda este ano 50 obras em diversos setores. Seguindo todos os protocolos de biossegurança e agora vacinando todos os profissionais da construção civil, a expectativa é elevada em relação a essas entregas.

Para o secretário Clayton Noleto, gestor da pasta de infraestrutura, esse compromisso de entregar essas obras é um compromisso com a população. “Nós viemos de ciclo de obras não acabadas. Quando chegamos a pasta, nosso primeiro trabalho foi terminar algumas construções e reformas que estavam pela metade. Hoje, trabalhamos para entregar obras que iniciamos ao longo desses anos e com certeza vão impactar a vida da população maranhense. São estruturas de saúde, mobilidade e educação que vão colaborar para o futuro da nossa geração”, comentou o gestor.

É ouro na mobilidade – Em mobilidade, a previsão é que a Sinfra entregue 12 novos trechos rodoviários e 3 pontes. São elas: a MA-318, entre Bom Jardim e São João do Carú, MA-034, entre Passagem Franca e São João dos Patos, MA-007, entre Povoado Ouro e o KM 50 e entre o Km 50 ao Povoado Batavo. Além da MA-320, entre Santo Amaro e Primeira Cruz, MA-312, entre Araioses e o Povoado Montevid, MA-211, entre Central a Ponte sobre o Rio Pericumã e Bequimão e a mesma ponte.

Com ritmos acelerados o Governo tem intensificado os serviços na Ponte que liga Central a Bequimão, na Ponte sobre o Riacho Santarém e na Ponte sobre o Rio Balsas. Um investimento que trará mais conforto e segurança às regiões norte, leste e sul do estado. Além disso, nesse ano, a Sinfra deseja ainda entregar mais quatro trechos que estão sendo restaurados. São eles: a MA-026 entre o Entroncamento da BR-316 (Dezessete) ao Entroncamento da BR-135 (Triângulo), a MA-119 ente Santa Luzia do Tide e Altamira do Maranhão, a MA-206 entre Quatro Bocas, a MA-101 na Vila Piridina e por último a MA-101 entre Carutapera e Cândido Mendes.

Quem já viu o asfalto chegando sabe o quanto é importante para o desenvolvimento. O agricultor, Antônio José Batista, do povoado Buritirana, recém beneficiado com a entrega de uma rodovia, destaca que a chegada do asfalto é sinônimo de desenvolvimento. “Há mais de 30 anos moro aqui e o desenvolvimento só chegou agora com esse asfalto. Antes disso não tinha”, afirmou.

Medalha em Educação e Obras Civis – Em educação, a Sinfra tem investido na construção e adequação de novas unidades do Instituto de Educação e Tecnologia do Maranhão (IEMA). Ao todo, são 11 novas unidades a serem concluídas nas cidades de: Amarante do Maranhão, Santa Luzia do Paruá, Balsas, Colinas, Chapadinha, Santa Helena, Carutapera, Tutóia, Coelho Neto, Vitória do Mearim e São Domingos.

Além dos IEMAS, está em andamento também, no município de Imperatriz, a construção do Centro de Ciências Agrárias da UEMASUL. Trabalhando em todas as esferas educacionais o Governo tem avançado na oferta de ensino de qualidade a todos os maranhenses.

Nas intervenções da área civil, o Governo tem investido em reformas de campos de futebol, praças, mercados municipais e aeroporto. As obras contemplam cidades como Imperatriz, Barreirinhas, TImon, Humberto de Campos, Timbiras, Matões, Loreto, Igarapé do Meio e mais.

Saúde no pódio! – E na saúde, muitos novos hospitais serão entregues por todo Maranhão. Ao todo, são 11 obras em andamento que aumentarão a rede de atendimento e qualidade de oferta médica no estado. Entre as construções estão: o Hospital da Ilha, os Hospital de Pedreiras e São Mateus, com 40 leitos e o Hospital de Joselândia com 20 leitos. Entre as obras de reformas e ampliações estão: o Hospital da Criança, o Hospital do Servidor, a Maternidade de Alta Complexidade do Maranhão, a Unidade Mista do Maiobão, o Hospital Mamede Trovão e o Hospital Regional Dr. Alarico Nunes Pacheco.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *