EDITORIAL – A intolerância tem ditado o ritmo de grande parte dos comportamentos…

EDITORIAL – A intolerância tem ditado o ritmo de grande parte dos comportamentos e atitudes nesses “tempos modernos”. Lamentável!

Não existem excessões para os que não tem educação, tolerância e humildade para ouvir. Todos estarão na merda da vaga, vazia e desnecessária provocação a troco do nada.

Os profissionais de imprensa são constantemente confundidos e julgados por prestarem seus serviços para algum político ou postulante a cargos públicos. Aí entram também advogados, motoristas, seguranças e tantos outros profissionais que trabalham ou tramitam nesse universo.

É bem verdade que existem as “mulas” os “cães de guarda” que sem opinião própria, costumam levar diariamente achincalhamentos e outras provocações das mais variadas, com o intuito de serem vistos e reconhecidos de alguma forma.

Vivemos dias de intolerância, onde o respeito pela opinião ou trabalho dos outros, anda em extinção.

Todo pai de família, toda mãe de família, todo cidadão e cidadã, querem acima de qualquer coisa o bem estar dos seus. Isso é honroso e reconfortante quando alcançado. Mas é preciso respeitar os limites de onde termina o seu direito e onde começa o direito do próximo, a partir da opinião, lado político, futibolístico, jurídico, religioso e profissional de cada um.

Que a tolerância e o respeito voltem a ter o espaço que lhes é devido em nossa sociedade.

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.