AMARANTE – Secretaria de Saúde apresenta em Audiência Pública primeiro relatório quadrimestral de 2018.

0
228

Audiência tornou público de forma detalhada as ações e serviços de saúde desenvolvidos no município.

 

A Prefeitura de Amarante, através da Secretaria Municipal de Saúde, apresentou nesta quarta-feira (30), no auditório da Câmara Municipal, o primeiro relatório quadrimestral deste ano. Na audiência que atende a Lei Complementar 141/2012, foram apresentados pelos coordenadores de cada programa os indicadores de saúde da população, recursos aplicados, oferta e produção dos serviços de saúde e metas alcançadas e a serem alcançadas dentro do contexto da programação anual de saúde, referente aos meses de Janeiro, Fevereiro, Março e Abril .

Nesta audiência estavam presentes os representantes do legislativo, vereadores Weliton Silva, Renato Viana, Sgt Aguiar e o presidente da Câmara Prof. Netinho; a secretária de Saúde do município, Dra. Heryland Duailibe, sua Adjunta, Salma Sales, membros do Conselho Municipal e servidores que compõem o quadro da saúde. Em seu pronunciamento, logo antes do inicio das apresentações, a secretária da pasta, parabenizou os coordenadores de cada programa, pelo o empenho e dedicação no preparo dos seus respectivos relatórios, ela também destacou seu desapontamento no que diz respeito a participação da população.

É uma pena que a população não compareça, a gente divulga e compartilha, e essa mesma população que às vezes nos crítica, não está aqui em um momento como esse, onde será apresentado as ações, os gastos, débitos, as vantagens,  desvantagens e metas alcançadas e a serem alcançadas com total transparência na saúde do município; e quero dizer que as críticas nos aceitamos porque nos permitem crescer”, ressaltou a secretária.

Na mesma linha de raciocínio da secretária, o vereador Weliton Silva (Helinho), que falou representando os demais membros do legislativo, também destacou sua insatisfação a falta de participação popular. “ Nós estamos aqui para acompanhar a apresentação desse relatório, que considero de suma importância não só para mim como vereador, mas para toda a sociedade; e quero aqui registrar o meu lamento em perceber mais uma vez que a população não tem se empenhado em acompanhar de perto o trabalho da secretaria de Saúde, isso nos causa um entristecimento muito grande, quando observamos numa audiência como essa a ausência da nossa população”, disse o vereador.

No decorrer da audiência, entre uma apresentação e outra, os vereadores iam fazendo alguns questionamentos que foram prontamente respondidos pela secretária de Saúde, que procurou responder detalhadamente cada colocação feita pelos representantes do legislativo. As apresentações foram iniciadas com os dados da Atenção Básica e encerradas com os do Hospital Municipal.

Em suas considerações finais a secretária Heryland Duailibe, destacou os esforços para o funcionamento do Centro de Fisioterapia, que para os atendimentos depende unicamente de recursos do próprio município. Sobre o Hospital Municipal ela fez algumas ponderações no que diz respeito aos recursos destinados para órgão. “ O Hospital, no que se refere a recurso desde junho vem trabalhando com 46 mil reais a menos, nós iniciamos uma reforma e tivemos que parar, então não é fácil ter que trabalhar como menos recursos, tendo que fazer mais, no entanto agora nós daremos continuidade a reforma do hospital fazendo as intervenções necessárias para proporcionar a população um atendimento cada vez melhor e de qualidade”, disse.

Para encerrar ela parabenizou o esforço de todos os coordenadores de programas, pela segurança, compromisso e dedicação com que apresentaram seus relatórios, ressaltando também que a secretaria não tem medido esforços para sempre que possível, enviar seus servidores para participarem de capacitação profissional na capital do estado. Na oportunidade também foi anunciado a aquisição de uma nova ambulância para o SAMU, via Ministério da Saúde.

 

(FONTE:ASCOM/PMA)